Automobilística e Auto-Peças

Automobilística e Auto-Peças

A indústria brasileira de autopeças reúne cerca de 500 empresas, incluindo pequenas, médias e grandes empresas. Apesar do grande número de empresas existentes no setor, nos segmentos de peças de maior valor agregado (motores, câmbio e transmissão), existe um oligopólio de empresas dominando esses segmentos. O desempenho do setor de autopeças é muito influenciado pelo desempenho da indústria automobilística.

As principais matérias-primas utilizadas pelas indústrias do setor de autopeças advêm dos setores siderúrgico, metalúrgico, petroquímico (plásticos), vidro, borracha, madeira e eletrônico, adquiridos em sua maior parte no mercado interno. A exceção fica por conta dos insumos eletrônicos ou mecânicos de maior valor agregado, para os quais o Brasil ainda apresenta dependência de importações.

Bosch Automotive

Automação da Linha de Galvanização

Hardware
AL 2000, Quark 801, Série Ponto - Altus
IHM
IHM Cimrex e Foton - Altus
Painéis
Painel de CLP e Remotas
Rede de Comunicação
Profibus-DP, Alnet
Ir para o topo